top of page
  • Foto do escritorRafael Iamonti

Melhores dicas para proteger suas contas e informações digitais

A segurança da informação é um tópico cada vez mais relevante em nossos dias, especialmente à medida que as ameaças cibernéticas continuam a evoluir e se tornar cada vez mais sofisticadas.


A exposição de informações sensíveis pode ter um impacto significativo nas organizações, como perda financeira, dano à reputação e violação de privacidade.


Portanto, é fundamental estar cientes dos riscos cibernéticos e implementar medidas eficazes de segurança da informação. Aqui fornecemos as principais dicas e práticas recomendadas para proteger informações e sistemas valiosos, ajudando a garantir a segurança dos seus dados.


Você está utilizando as boas práticas para senhas?


Algumas vezes, acabamos esquecendo que as boas senhas são aquelas que não se relacionam com nosso cotidiano. Precisamos ter muito cuidado para que nossas senhas não sejam fáceis de adivinhar.


Por isso, é importante criar senhas fortes, incluindo letras maiúsculas e minúsculas, números e caracteres especiais. Além disso, é recomendável não usar senhas óbvias, como datas de nascimento ou nomes de familiares.


Outra dica importante é não utilizar as mesmas senhas em várias contas, pois isso pode aumentar o risco de comprometimento dessas contas caso uma senha seja comprometida.


Caso você tenha dificuldade para se lembrar de muitas senhas, utilize um gerenciador de senhas. Eles podem criar senhas seguras e únicas para cada conta e as armazenam criptografadas em um local seguro. Também é importante nunca compartilhar senhas com outras pessoas e alterar elas para manter a segurança das contas.


Treine para pensar antes de clicar


Muitas vezes, quando estamos conferindo e-mails ou navegando pela internet, ficamos distraídos e acabamos clicando sem pensar em algum link ou anexo desconhecido. Isso pode ser um grande risco, pois podemos estar fazendo download de um sistema malicioso ou até mesmo permitindo que cibercriminosos acessem nossas informações.


Esse tipo de ataque se chama phishing e é uma técnica usada por criminosos cibernéticos para enganar pessoas para revelar informações confidenciais, como senhas, informações bancárias e detalhes de cartões de crédito. Geralmente são realizados por meio de mensagens fraudulentas ou sites falsos que parecem legítimos.


Para evitar esses ataques, saiba que as principais características do phishing são mensagens com erros de ortografia ou gramática, solicitações urgentes para atualizar informações de contas e links suspeitos ou desconhecidos.


Outra dica é sempre verificar se o endereço do site é autêntico, verificando se é oficial e seguro. Além disso, lembre-se que empresas geralmente não solicitam informações confidenciais por mensagem e evite clicar em links em mensagens de remetentes desconhecidos.


Em caso de dúvida, entre em contato com a equipe de segurança da informação para obter orientações adicionais.


Não se esqueça de fazer todas atualizações


As atualizações são projetadas para corrigir falhas de segurança conhecidas, melhorar a estabilidade e adicionar recursos novos e importantes.


Dessa forma, quando os sistemas e softwares não são atualizados, as vulnerabilidades conhecidas podem ser exploradas por cibercriminosos, resultando em perda de dados, roubo de informações e violação de privacidade. As atualizações também podem melhorar a segurança do sistema, adicionando novas camadas de proteção, melhorando a criptografia de dados e fortalecendo os controles de acesso.


Seus dados estão sempre desprotegidos!


Desenvolva um senso de ceticismo em relação à proteção dos seus dados. Infelizmente, podemos estar em risco em qualquer lugar, inclusive quando utilizamos redes públicas de internet.


Por isso, é essencial ativar os mecanismos de autenticação multifatorial. Eles funcionam exigindo não apenas uma senha, mas também uma segunda forma de autenticação, como um código enviado por mensagem de texto ou um token de segurança.


Isso significa que mesmo se uma senha for comprometida, um invasor ainda precisaria passar pelo segundo fator de autenticação para acessar sua conta.


Além disso, dê preferência para utilizar a rede de dados móveis do seu dispositivo quando estiver em locais públicos. Redes públicas de internet podem ter processos frágeis de autenticação, que deixam nossos dados e dispositivos em risco.


Mantenha seu celular protegido


Dispositivos móveis, como smartphones e tablets, são cada vez mais utilizados para acessar informações sensíveis, como e-mails corporativos, dados bancários e informações de clientes. Uma das medidas mais importantes é usar senhas fortes para proteger o acesso ao dispositivo, bem como para bloquear aplicativos específicos com informações sensíveis. Além disso, é importante criptografar dados sensíveis, como arquivos financeiros e senhas, para impedir o acesso não autorizado em caso de perda ou roubo do dispositivo. Outras boas práticas incluem manter o sistema operacional atualizado, evitar o uso de redes Wi-Fi públicas não seguras e instalar somente aplicativos de fontes confiáveis. Também é importante configurar as opções de privacidade, como desativar o GPS e limitar o acesso de aplicativos aos dados do dispositivo.


Como manter sua mesa limpa


Suas anotações, arquivos e documentos podem oferecer muitas informações para olhos atentos. Por isso, é essencial evitar guardar senhas em papéis e, até mesmo, manter sua tela virada para locais com muito movimento.


Tudo isso pode ser uma forma de comprometer informações sensíveis, que podem ser utilizadas para acessar contas e também comprometer a sua privacidade.


Dessa forma, mantenha o seu ambiente de trabalho organizado, evitando deixar documentos confidenciais ou com informações importantes em locais vulneráveis.


O que fazer em um incidente


Relatar um caso de incidente de segurança é uma etapa crucial para proteger informações sensíveis e mitigar os danos causados por ataques cibernéticos. Para fazer isso, contate a equipe de segurança da informação ou o gerente responsável pelo setor de TI.


Por ser um processo crucial, é importante fornecer detalhes precisos sobre o incidente, incluindo o que aconteceu, quando ocorreu e quais informações, contas ou dispositivos foram afetados.


Além disso, siga as instruções da equipe de segurança da informação sobre como lidar com o incidente, como desconectar o dispositivo ou rede afetada e preservar as evidências relevantes.


É essencial relatar incidentes de segurança imediatamente após sua detecção, para que a equipe de segurança da informação possa tomar medidas rápidas e eficazes para proteger as informações e limitar os danos.



Mundo digital. Grupo de jovens felizes segurando diferentes dispositivos digitais e sorrindo enquanto estão sentados em uma fila ao ar livre. No canto inferior, o texto "Melhores dicas para proteger suas contas e informações digitais"
Conheça as melhores práticas para proteger suas contas e informações digitais


21 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page